Retina Web - Criação de sites

voltar para o blog

Quer montar seu primeiro negócio? Veja 4 passos para criar um e-commerce

27 de setembro de 2017

[Recorte Página]

Se você sente que precisa melhorar a sua visibilidade on-line, a internet oferece uma série de opções para isso, e uma das mais procuradas é a possibilidade de criar um e-commerce.

Em parte, essa demanda se deve à aparente facilidade de criar um comércio online e ao baixo investimento comparado ao estabelecimento de uma loja física ou à compra de uma franquia.

No entanto, é importante ressaltar que, se não houver planejamento, pesquisa e dedicação, um e-commerce tem grandes chances de falir como qualquer outro negócio. Para se ter uma ideia, pesquisas apontam que 60% das lojas virtuais fecham ainda no primeiro ano.

Para ajudar você a montar seu e-commerce em bases sólidas e prosperar, preparamos aqui um passo a passo para guiar esse começo!

1.Faça um planejamento cuidadoso

A abertura de qualquer negócio deve começar no papel, e isso não muda para lojas virtuais. Pesquise um nicho de mercado e defina o público-alvo que você pretende atingir. Essas informações vão ser essenciais para a escolha dos produtos e das campanhas de divulgação.

Também faça uma distribuição do investimento, para evitar que todo seu capital seja usado nos primeiros meses e depois falte a verba necessária para dar continuidade ao e-commerce. Lembre-se de que os resultados podem demorar um pouco para vir.

2.Escolha uma plataforma

Atualmente, há diversas opções para se criar um e-commerce, com vários tipos de plataforma e tecnologia. As principais são:

  • gratuita: esse tipo de plataforma é open source e pode ser personalizado, mas talvez apresente problemas com a hospedagem ou quando sua loja começar a receber um fluxo grande de visitantes;
  • paga: esse tipo de plataforma é mais robusto, e uma mensalidade ou comissão é paga sobre as vendas. São as lojas virtuais alugadas;
  • própria: é indicada para lojistas mais experientes. Nesse modelo, você tem total controle da plataforma e pode personalizá-la completamente. Exige a participação de uma equipe para seu desenvolvimento e pode implicar em custos altos.

Uma boa plataforma deve garantir a segurança dos dados do cliente, o controle do estoque, o cadastro e a inclusão de produtos e suas variedades, a integração para cálculo de frete e para meios de pagamento.

3. Decida a forma de pagamento

Assim como há uma variedade de plataformas, também existe uma série de ferramentas para intermediar o pagamento dentro de um e-commerce.

Para quem está começando e conta com um volume de venda pequeno, os intermediadores são recomendados. Eles são de fácil utilização e protegem o lojista contra fraudes, além de permitirem que o recebimento de valores seja adiantado.

Além disso, esses intermediadores oferecem o pagamento por cartão de crédito, débito ou boleto bancário, aumentando o leque de opções para o cliente. Por serem empresas seguras e conhecidas, o consumidor sente mais confiança ao efetuar a compra.

Os gateways também são uma boa opção. Eles funcionam como uma máquina de cartões de débito ou crédito, em que o dinheiro cai diretamente na conta bancária do empreendedor, e também oferecem a opção de boletos bancários. Essa modalidade é indicada para uma segunda fase da loja, em que o volume de vendas é maior.

4. Defina a estratégia de marketing digital

Não adianta nada montar sua loja e não divulgá-la. Uma estratégia eficaz de marketing vai tornar seu e-commerce conhecido entre o público-alvo e possibilitar vendas e sucesso ao seu negócio.

Entre as diversas estratégias de divulgação, estão as redes sociais, o e-mail marketing e o marketing de conteúdo. Não se esqueça de que é indispensável que sua loja apareça nos primeiros resultados de busca do Google para que traga bons resultados. Uma porcentagem do capital inicial deve ser investida em divulgação ao longo do primeiro ano para que a loja comece a funcionar.

Pronto! Agora você já sabe quais são os primeiros passos para criar um e-commerce e começar seu próprio negócio on-line. Quer uma mãozinha para começar? Entre em contato conosco e descubra como podemos auxiliá-lo nessa etapa para garantir o sucesso do seu empreendimento!

Tags:

Quer receber as novidades do blog?

Assine nossa newsletter!