Retina Web - Criação de sites

voltar para o blog

Como melhorar a UX usando a psicologia na criação de sites?

4 de outubro de 2017

[Recorte Página]

Ter uma presença online sólida passa por um planejamento adequado no que tange à criação de sites.

Levando em conta que, na maioria das vezes, ele é o pilar fundamental para que a venda ocorra, é importante direcionar esforços para trazer os recursos necessários para isso. Além disso, mais do que oferecer bons produtos e preços competitivos, é fundamental proporcionar uma ótima experiência ao usuário, o que faz com que essa necessidade só aumenta.

Investir em uma boa User Experience, ou UX, pode ser um diferencial competitivo no seu site. Se aliado ao uso da psicologia, então esse investimento se consolida como uma ótima ferramenta para alavancar os resultados.

Para que você entenda um pouco mais a fundo sobre o uso desses recursos, listamos uma série de dicas para que você compreenda a validade de usá-los em sua página de vendas. Acompanhe!

A importância das cores

A chamada psicologia das cores é um recurso bastante utilizado no marketing e que, evidentemente, pode ser aplicado na criação de sites.

Em linhas gerais, ela classifica as cores, suas características e os sentimentos que despertam nas pessoas. Isso dá uma base importante para escolher as cores que mais tenham a ver com o seu negócio.

Um exemplo: a cor amarela está ligada ao conhecimento. Uma empresa na área da educação trabalha para oferecer isso aos seus alunos. Dessa forma, temos aqui uma recomendação de cor que se encaixa nos propósitos da empresa.

É claro que é possível ir muito além, mesclando cores, testando tons e assim ampliando os horizontes de uma forma que englobe todas as características do negócio.

O fator emoção

A emoção faz parte do processo de compra muito mais do que se imagina. Mesmo pessoas que se digam mais racionais do que emocionais, elas são influenciadas por esse fator na hora de adquirir algum produto.

Existem diversas formas de um site gerar esse sentimento. Uma delas é tentar diminuir o impacto do cliente em relação ao valor que ele terá que desembolsar. Por isso, expressões como “somente” e “apenas” são muito utilizadas e geram bons resultados.

Uma outra emoção que pode ser explorada é o senso de urgência. Mensagens como “estoque limitado” e “promoção por pouco tempo” também ajudam a transmitir emoção de forma a levar o cliente a tomar uma ação rápida.

Ancoragem e similaridade

Você sabia que a similaridade pode prejudicar as suas vendas? Antes de entender isso, é preciso definir o que estamos chamando de similaridade: a existência de produtos parecidos em sua loja virtual que tenham preços próximos ou até mesmo iguais.

Existe uma tendência muito grande do cliente não escolher nem um e nem o outro, uma vez que essa proximidade causa dúvidas. Para evitar arrependimentos do tipo “deveria ter escolhido o produto do lado”, então, a pessoa prefere não realizar a compra.

A ideia de ancoragem também tem a ver com o posicionamento dos produtos, mas foca especialmente em produtos similares com preços bastante distintos.  Está com dificuldade de vender um produto de R$ 50? Experimente colocá-lo ao lado de um da mesma categoria mas que custa R$ 300. As chances de venda certamente aumentarão.

A explicação para esse fato é que o público gosta da sensação do “bom e barato”, algo que essa estratégia acaba despertando.

Outra ação importante é o cuidado na hora de colocar os preços. Quanto menos caracteres você utilizar, menor é o impacto negativo gerado. Ou seja: R$ 990,00 parece ser mais caro do que R% 990, então a segunda opção é a mais indicada.

Com base nessas dicas, você já pode começar a aplicar a psicologia para melhorar a UX na criação de sites — e se quiser ter ainda mais resultados com ela, pode contar com ajuda especializada para esse fim.

Quer saber a importância de um site institucional bem feito? Então confira os principais motivos para investir nessa poderosa ferramenta e assim melhorar a imagem da sua empresa na web.

Tags:

Quer receber as novidades do blog?

Assine nossa newsletter!

* Campos obrigatórios